Fundada a 17 de agosto de 2007 por Carolina Marcello, Joana Coutinho e Paulo Brás, encerrou a sua atividade enquanto revista erótica a 17 de agosto de 2013, reabrindo a 12 de dezembro do mesmo ano como plataforma do projeto A MULHER É O FUTURO DO HOMEM.

3/12 : Não vejo nada com os olhos


hora 19h
data 27 de março, quinta-feira
local Maus Hábitos (rua Passos Manuel, 178, 4º piso)
divisão da casa cozinha
entrada livre

A partir da obra poética de Safo de Lesbos (sécs. VII-VI a.C.) e de «Defesa feminina com manifesto abono da manice contra a murmuração dos homens» atribuído a Diogo Correia de Sá, Visconde de Asseca (séc. XVIII), «Não vejo nada com os olhos» (parte 3 de «A mulher é o futuro do homem») é uma colaboração entre Paulo Brás, Ricardo Braun, Carolina Marcello e Tiago Teles Santos, em co-produção com o espaço de intervenção cultural Maus Hábitos, com apoio na investigação de Ana Margarida Monteiro, autora de «Corpo adormecido: o feminino como exílio na poesia de Safo e Luiza Neto Jorge» (2012), e Andreia Oliveira, autora de «Que o desejo me desça ao corpo: Judith Teixeira e a literatura sáfica» (2013) : fotografia de cena de Pedro Costa : agradecimento especial a Isabel Rocha

«O mundo, na opinião de Aristóteles, é um homem grande»

Saiba mais sobre o projeto aqui e sobre as pessoas que o compõem aqui.

amulhereofuturodohomem@gmail.com

Sem comentários: